23/08/2017 | 15h10m

Literatura

Feira do Livro de São Gabriel define patrono e capataz

Evento vai homenagear o escritor Délio de Assis Brasil e o empresário Paulo Roberto Schneider

A Feira do Livro de São Gabriel, que terá em 2017 sua 10ª edição, já definiu a escolha do seu patrono e também do seu capataz. O evento literário ocorrerá entre 4 e 8 de outubro.

Na tarde da última segunda-feira, o prefeito Rossano Gonçalves (PDT) recebeu, juntamente com o secretário municipal de Educação, vereador Sildo Cabreira, o escritor Délio de Assis Brasil, escolhido para patrono da Feira do Livro de 2017, e o empresário Paulo Roberto Schneider, capataz desta edição.

Jaguari lança projeto pioneiro para proteger suas fontes de água

A Feira do Livro de São Gabriel, desde sua primeira edição, em 2007, tem mantido a tradição de homenagear como patronos os escritores gabrielenses ou vinculados à Terra dos Marechais. A figura do ¿capataz¿, por sua vez, funciona como um administrador informal da feira, e é inspirada na figura do ¿xerife¿ da Feira do Livro de Porto Alegre.

Rossano parabenizou o patrono e o capataz da feira, e ressaltou a importância do evento para a cena cultural gabrielense.

– Com muita justiça, São Gabriel é considerada a Atenas Riograndense, não apenas pelo brilho dos seus escritores do passado, mas também do presente, que continuam compartilhando vivências, saberes e sonhos com seus leitores em uma linguagem criativa e dinâmica – ressaltou.

Criadores de 'Stranger Things' confirmam terceira temporada da série  

QUEM SÃO OS HOMENAGEADOS

Délio de Assis Brasil (Patrono)

Foto: Reprodução / Reprodução

–  É natural de São Gabriel. Nascido em 1942, é engenheiro agrônomo e produtor rural. Foi diretor-presidente da Cooperativa Rural Gabrielense, da Cooperativa Mista Agroindustrial e presidente do Sindicato Rural de São Gabriel. Como historiador, é autor das obras O Gaúcho: Formação e Hábitos (2009), O Bioma Pampa (2015), O Gaúcho Pampeano: A Política Oriental e Brasileira (2017), e O Gaúcho, o Pampa e o Gado (inédito)

Paulo Roberto Schneider (Capataz)

Foto: Amanda Hickmann / Prefeitura de São Gabriel

– É empresário, economista, natural de Ibirubá. Mudou-se para São Gabriel em 1997, quando implantou o Fisk São Gabriel, que em 2017 completa 20 anos de atividades. Acompanha e participa das Feiras do Livro há diversas edições

* Com informações da prefeitura de São Gabriel